segunda-feira, 10 de março de 2014

Raciócio

Pensar.
Eia, pois,
a melhor arma,
e a pior das ruínas

Amar,
essa, pode ser,
na maior eventualidade
Qualquer coisa, qualquer e coisa.

Decidir
poderia resolver,
também eventualmente,
qualquer coisa, mas não, não!

Sofrer?
Esse bem poderia
ser fruto único dos três amigos,
ser pior inimigo da árvore que o gera.

Cansar?
Esse, pois vem,
com toda a certeza,
após os três amigos e sua causa.

1 comentários:

Carol Mauro disse...

Acredito que entendi o que é passado, mas até q penúltima estrofe. Adoraria que me ajudasse a interpretar.

Postar um comentário